Avózinha (Sim, com acento...)

Fevereiro 24 2009

Vocês por acaso sabem quem foi o vencedor da última edição da Taça da Ásia? Se forem como eu até desconhecem que existia essa competição, realmente a minha ignorância é imperdoável, mas aqui estou para me redimir e como tal passo a publicitar que em 2007 quem venceu o caneco foi o Iraque, não sei é contra quem, se Americanos, talibãs ou a equipa do Bin Laden.

 

A próxima edição, que quero ver se não perco, vai realizar-se no Qatar mas só em 2011 por isso tenho esperança de ainda arranjar bilhetes...se não forem muito caros. O Iraque já devolveu a taça ao Qatar, próximo anfitrião, mas não sem antes lhe aplicar o seu cunho pessoal, ou melhor dizendo, um restylling.

 

Ao percorrer (em exibição) as 18 províncias Iraquianas o troféu foi adquirindo algumas amolgadelas, Najeh Hamud, vice-presidente da Federação Iraquiana admitiu que o novo design foi causado pela alegria do povo, diz ele «A taça tem alguns danos, devido à alegria do povo iraquiano. Foi atirada entre a multidão, durante as viagens» como diria Artur Jorge «uma situação perfeitamente normal». Só faltou ele dizer “somos uns brincalhões”.

 

Do Qatar já veio a notícia de que vão restaurar o troféu, o que me suscita alguns sentimentos contraditórios, pois se por um lado compreendo que a taça deve estar em perfeitas condições (como nova se possível) por outro, fico com a sensação de que se está a apagar uma parte da sua história. Corre-se até o risco de após o restauro ninguém acredite que o Iraque a venceu, eu por exemplo se a estivesse a contemplar e algum Iraquiano me dissesse «Nós já a vencemos!» eu pensaria para comigo «sim, está bem, venceste venceste...».

 

Inté


pesquisar
 
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
13
14

17
20
21

22
23
27
28


mais sobre mim
subscrever feeds
blogs SAPO