Avózinha (Sim, com acento...)

Dezembro 20 2009

Estou para aqui a pensar com os meus botões quem anda a enganar quem, ou melhor, quem está a ser enganado...ou será...bem, estou todo baralhado, na verdade não nasci para suportar grandes raciocínios, fruto de alguma malformação genética ou talvez tenha sido um comprimido que brilhava no escuro e que tomei quando era puto. A verdade é que a partir desse dia passei a ter mais dificuldade em organizar as ideias, talvez seja coincidência, mas as vozes que oiço dentro da minha cabeça também não facilitam a tarefa.

 

Mas estava eu a dizer, e a propósito dos casamentos entre pessoas do mesmo sexo, quem anda a enganar quem, se é o Sócrates que está a passar a perna aos homossexuais se o contrário. Antes de mais julgo ser urgente corrigir a palavra «homossexuais» que é usada para ambos os sexos, «é pá, não soa bem» especialmente no caso das mulheres, deveria haver alem de «heterossexuais» e «bissexuais», mais dois termos, um para homens e outro para mulheres, que gostam do mesmo sexo pois claro. Aceitam-se sugestões.

 

Sendo sabido que a instituição casamento está como está, gasta, falida, descredibilizada, vem “esta gente” há muito tempo (diga-se) reendivicar a assinatura no papel para atestar a união. Mas, passaram-se? Estão a martirizar-se com este assunto para quê, não seria melhor não estarem a complicar a vossa vida e ficarem sossegadinhos sem estes atropelos burocráticos!?

 

Na minha opinião, que já se sabe o que vale, estão a meter-se numa carga de trabalhos, basta ter dois olhos na cara e perceber/observar o que está a acontecer a uma boa parte dos casamentos. É certo que a desgraça de uns pode ser a bonança de outros, alguém vai ganhar com este negócio, mais que não seja, quem faz os registos, quem organiza o copo de água, os advogados para o divórcio e disputas judiciais, etc. etc..

 

Acho que vai haver gente duplamente entalada, ai vai vai, mas depois não venham se queixar que são sempre discriminados e que todo o mundo vos quer mal porque eu bem avisei. Vão ver, depois de passarem a poder casar já não vão sobrar desculpas, está tudo a sair do armário e vai ser felicidade a rodos, para o céu já se sabe que não podem ir, mas depois do inferno que irão passar com o casamento...qualquer coisa parecerá o Éden.

 

Inté

publicado por Avózinha às 23:54

Ora aqui vai uma bengalada!
Espero que te acerte para ver se acabam esses barulhos na cabeça. Não tens que agradecer, é de boa vontade.
Sobre este assunto que tanto dá que falar, eu acho que depois de terem alcançado o que ha tanto tempo anseiam, chegam à conclusão que afinal não vale a pena andarem a assinar tanta papelada e a arranjar tanta chatice. Vai ser giro de ver!
Ora toma lá esta bengalada!
mc a 21 de Dezembro de 2009 às 21:25

pesquisar
 
Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
18
19

23
24
25
26

30
31


mais sobre mim
blogs SAPO