Avózinha (Sim, com acento...)

Março 17 2009

(a seguir vão poder ler a transcrição na íntegra de um e-mail que recebi recentemente)

 

«Hello! My name is Nadezhda. I want to get acquainted with you. I'm 27 years old. And I am lonely, and seeking long-term relations. I wish to find my second half which I have not met befor. May be you? I hope, that you will answer me and it will be the beginning of our relations. I send you a picture, that you dbltk who I'm. More about myself I with pleasure will write you, if you answer me. Ask, if you have questions. I will be waiting for your answer. I hope, that you will not keep me waiting for a long time.

Please reply only to my personal e-mail:  nadezhdayand@gmail.com»

 

Querida Nadezhda,

 

Agradeço-te desde já por provares que o meu sucesso com as mulheres não tem limites nem fronteiras, seja lá de que beira fores, e obrigado também pela foto, ninguém diria que alguém com um nome como o teu poderia ser uma ruiva tão jeitosa...e olha que não te estou a dar tanga.

 

Compreendo que te sintas sozinha (eu também me sinto muito só) e desculpa se te fiz esperar muito tempo, mas não te quero iludir nem enganar já que procuras relações duradouras e eu apenas estou à procura de sexo casual, sem que tenha de pagar, pois claro.

 

Espero que encontres a outra metade porque te faz muita falta, se estiver ao mesmo nível da metade que vi na foto (apenas da cintura para cima) que enviáste confirma-se que és mesmo muito jeitosa, aconselho-te até, que logo que estejas completa passes a enviar a foto de corpo inteiro. Espero também que apanhem o bandido (ou bandida) que te serrou e levou a outra metade, merece um castigo bem grande. Trabalhavas com algum ilusionista daqueles que separa as pessoas ao meio?

 

Tenho muita pena mas não iria resultar, só aprender o teu nome seria muito moroso e chamar-te seria tortuoso, dolororo, e nada fogoso. Não desanimes nem desistas, acredita que vais encontrar alguém que te dê a atenção que mereces e desejas, eu hà muitos anos que envio e-mails como o teu e apesar de ainda não ter tido sucesso, não desisti.

 

Perdoa-me a indiscrição ao expôr o conteúdo da tua correspondência mas a minha intenção é a melhor, tenho esperança que entre os milhões de frequentadores (ou frequentadoras) do Avózinha alguém te corresponda.

 

Muitas felicidades.

 

Inté

publicado por Avózinha às 23:30

Olha...eu até respondia mas,como sabes,não gosto de ruivas!!!!!
Agora o que eu gostava mesmo de saber é onde é que a dita cuja foi desencantar o teu mail...Fico a pensar,se me permites ,que andas a navegar por mares de águas pouco claras e muito profundas (ou fundas!),se é que me faço entander!
Não te vou aconselhar mas sim "aconcelhar-te" a um "mudasti" para o Cazaquistão,a ver pelo nome da rapariga, e já agora "mudasti" de religião porque ,cá para mim,a moça é muçulmana...É claro que arranjas um grande problema com o Arcebispo,já que o Senhor avisou dos perigos dos casamentos com muçulmanos e afins...Tem atenção,caso persistas na navegação por sites estranhos,de que qualquer uma destas miudas pode trazer a "crica" armadilhada e provocar outro "nine-eleven" de proporções desastrosas...
Mas o pior é se no lugar da "crica" aparece uma protuberancia monumental...E olha que a ver pelo nome,é bem capaz disso...

Fuiiiiiiiiiiii....de fininho!

Indiavera a 18 de Março de 2009 às 01:56

Navegar navegar,
ir à net e voltar
ò minha Indiavera
a malta quer é papar

Fui
Avózinha a 18 de Março de 2009 às 23:11

pesquisar
 
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
13
14

19
20
21

25
27
28

31


mais sobre mim
blogs SAPO