Avózinha (Sim, com acento...)

Março 04 2009

A competência infelizmente nem sempre se faz acompanhar pelo brio profissional, por vezes pode haver alguma confusão e existir quem ache que uma não existe sem a outra. Hoje vou aqui dismitificar esse fenómeno e provar com um caso real que não é bem assim, na verdade eu já tinha as minhas suspeitas e só me faltava apanhar um caso flagrante.

 

Um café em Almeirim (terra da boa sopa da pedra) foi alvo de um assalto (até aqui nada de anormal, infelizmente acontece todos os dias), o estranho foi os ladrões após consumado o intento (com sucesso diga-se) tiveram uma espécie de arrependimento e enviaram uma carta ao dono do estabelecimento a identificar o local onde estava o material furtado, nem sequer se esqueceram de efectuar um pedido de desculpas pelo acto praticado «Pedimos desculpa pelo transtorno causado. A nossa ideia era as bebidas, mas o resto estava mesmo à mão. Mais uma vez, as nossas desculpas».

 

Efectivamente com gente educada a música é outra e a selectividade destes indivíduos não deixa margem para dúvidas, a caixa registadora que também foi levada do café estava intacta, com todo o dinheiro da receita do dia. O que  desapareceu mesmo foram as garrafitas de Uíske que afinal era o único objectivo da incursão, só espero mesmo que pelo menos seja do bom.

 

Temos aqui um caso de elevada competência e selectividade na profissão de pedir emprestado sem pedir autorização (vulvgo fanar) no entanto não poso deixar de sublinhar a falta de brio destes personagem: Arrependimento? Remorsos? Consciência? Por favor não manchem a imagem de quem anda a roubar, ninguém vai á caça e depois tenta reanimar os animais abatidos...que falta de brio!

 

Nota: Um certo dia roubaram-me o carro, uns individuos que precisavam de um meio de transporte para andar a assaltar umas colectividades e como eu não estava por perto para me pedirem emprestado...levaram na mesma. Largos dias mais tarde foi encontrado abandonado com um cofre arrombado, uma máquina de tabaco (vazia pois claro) entre outras tralhas, ora não me lembro de ter recebido nenhuma carta a informar onde estava o meu carrito, óbviamente porque eram ladrões a sério, competentes e com brio.
Já perceberam agora o verdadeiro motivo deste post? Desde este sucedido que fiquei magoado pela forma como fui tratado e de certa forma usado sem nunca me terem dado uma palavrinha de conforto, bastava um simples obrigado, agora mais uma vítima de um roubo e senti alguma inveja por este ter tido tratamento tão especial e eu não.

 

Inté

publicado por Avózinha às 23:45

Amigo Avozinha:
A gente nunca nos lembramos dessas molezas de deixar recados, pedidos de desculpa, arrependimentos...

Na verdade lembramo-nos do seu carrito, por sinal um carro jeitoso para o nosso trabalho do dia a dia! Pequeno, discreto, bagageira espaçosa, depósito cheio, que mais quer um profissional?
Estava ali, parado, e nós a precisarmos de levar aquele cofre e aquelas coisitas que afinal pouco nos renderam...
Nem nos lembrámos de deixar um agradecimento, não é a nossa maneira de trabalhar mas compreendemos que hoje em dia o pessoal precisa de ter uma atenção, afinal de contas as carteiras andam vazias, os carros que pedimos emprestados à força, mal têm gasolina para chegar ao nosso esconderijo, vemos que a crise é geral...

Mas, amigo Avozinha, não nos parece bem estar a perder tempo a informá-lo do local onde deixámos a viatura. Então para que serve a bófia? Ao menos para andar a ver as matrículas dos carros...

Se nos disser onde guarda o carrito, teremos todo o gosto em usá-lo novamente pelos motivos que indicámos. E já que que dá valor a essas coisas deixaremos um bilhete a agradecer... Para não pensar que somos alguns labregos mal agradecidos!

IRMÃOS METRALHA

Metralhas a 7 de Março de 2009 às 11:32

:)))))))))))))))

Nada disso!!! Tu não querias falar nem de competência nem de brio profissional...a tua motivação foi a inveja!! Eheheheheheh...estás a ficar com o lado feminino mesmo apuradinho... loooooooooooooooooooooooooooooooooooool

Desculpa a ausência...tenho andado "assoberbada" e "exaurida"....
Sugiro-te um curso de "Magalhanês" para o puderes comentar à posteriori...

Beijos variados!
Indiavera a 8 de Março de 2009 às 18:37

Não desculpo mas..és sempre bem vinda.
Avózinha a 9 de Março de 2009 às 21:29

pesquisar
 
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
13
14

19
20
21

25
27
28

31


mais sobre mim
blogs SAPO