Avózinha (Sim, com acento...)

Dezembro 22 2008

Brandos costumes o caraças! Somos um povo rijo e mais avançado que todos os outros, aliás estou até em crer que somos um caso de estudo para outras nações. Já sei o que estão a pensar, somos objecto de análise mas no sentido inverso, ou seja, observam-nos para saber o que não se deve fazer...nada disso.

 

A adesão à greve dos trabalhadores da manutenção da TAP foi superior a 100% disse o presidente do Sindicato dos Técnicos de Manutenção de Aeronaves (SITEMA). Toma lá e embrulha ó Fernando Pinto, tens a mania que és bom agora arranja lá um argumento melhor que este.

 

Confesso que esta declaração me surpreendeu mas depois raciocinei com mais calma e após recuperar do choque fui para o terreno averiguar melhor o que se passou. Recolhi testemunhos incríveis, relatos de gente já falecida que em espírito se pôs solidária com o movimento, outros já na reforma também se colocaram ao lado dos grevistas, até animais de estimação dos trabalhadores fizeram questão de aderir.

 

Um pouco por todo o lado eram fortes as evidências da estrondosa adesão, caixas de ferramentas completas que se recusaram a trabalhar, porcas, parafusos, latas de tinta de todas as cores, latas de óleo, o próprio decapante que se costuma escusar a estas coisas estava firme lado a lado com o diluente. Os pinceis e os desperdícios estiveram indecisos até ao último momento mas acabaram por se render a tamanha onda de solidariedade entre trabalhadores.

 

É interminável a lista e que me desculpem os que não mencionei, pessoas ou artefactos, mas na verdade isto prova que quando as causas são justas ninguém fica idiferente.  O direito á greve é um assunto sério com o qual não se brinca, a menos se se fôr presidente do Sindicato.

 

Inté

publicado por Avózinha às 00:11

looooooooooooooooooooooooooooooool
looooooooooooooooooooooooooooooooool
loooooooooooooooooooooooooooooooooooool

Amigo...foi o teu melhor artigo! Eheheheheh
Vendo bem, presidentes e ministros raramente sabem alguma coisinha de matemática...ou mesmo de aritmética!Ora isto das percentagens,é de dificil análise...Basta ver o Sócrates a calcular a inflacccção(tem mais "c" pq se inflaciona a ela mesma!)!!!!!!! Ou a divida publica...ou a dificuldade a preencher a declaração de irs...A ministra da educação tem muita dificuldade em ler o numero 120 000!!!!!!!!!!!! E por aí fora...seria um desfile de dificuldades numericas!
Reconheci no teu artigo algum estilo "Vera"....O convivio com moi só te dá estilo...neste caso literario!!!looooooooooooooool

Beijos pq é Natal e fica bem a beijokiss!

Au revoir!
Indiavera a 23 de Dezembro de 2008 às 00:02

pesquisar
 
Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
13

19

21
25
27

28
31


mais sobre mim
blogs SAPO