Avózinha (Sim, com acento...)

Julho 31 2011

Nunca faremos tudo o que temos na ideia fazer, seja em que altura for, nem nas férias...não pensem que isto vai ser um lamento pós descanso, pelo contrário, na verdade as férias foram boas e que bem que me fizeram e souberam. Prossigo o meu discurso numa de psicopata com dupla personalidade referindo que o Avózinha está de férias faz bem mais tempo que eu, que no entretanto, já fui, voltei, e já fiz tanta coisa desde que regressei. Sim, porque a vida não tira férias.

 

Mas usei as férias para isso mesmo, carregar baterias para retomar a luta e libertar-me de algumas energias menos boas, que fazem pela vida tentando misturar-se com a minha essência, procurando desviarem-me do meu caminho. Não lhe chamo forças do mal porque não são, antes sim distracções, as quais servem para pôr à prova o que pregamos muitas vezes mas, fazemos (se nos deixarmos levar) o contrário, depois queixamo-nos mas a responsabilidade é toda nossa.

 

Á que fazer das férias o melhor que se puder e souber por todos os motivos. Para lhe dar-mos o devido valor quando não estamos ou temos, para nos servir de alento até que cheguem e, talvez principalmente, para termos algo de bom para recordar e assim nos momentos difíceis nos lembrarmos de que nem tudo é/foi mau...há é dias/momentos que dispensávamos.

 

De facto o Avózinha tem feito pela vida e que bem que lhe tem sabido este silêncio, se não há vontade não se escreve, e prontos, para obrigações já bastam as do costume e este espaço é de prazer, pelo menos para quem escreve. Por enquanto o gozo e vontade de ir juntando aqui umas palavrinhas ainda existe, como tal ainda não foi desta que este espaço «foi à vida», vai subsistindo, nem que seja apenas para consumo próprio...ou para poupar nas consultas de psicanálise.

 

Sigo pois os meus dias com a mesma demanda que me orienta nas férias, não deixar que as coisas desinteressantes me distraiam e estraguem a minha energia, desfrutar do que verdadeiramente interessa, manter a minha essência e todos os dias tentar tornar-me numa pessoa um pouco melhor. Há é menos tempo para isso, e sobretudo mais solicitações a ocuparem-nos, mas a vontade é a mesma, e quando eu quero uma coisa...!

 

Inté

publicado por Avózinha às 23:26

Tenho que apreciar deveras o primeiro paragrafo, pois o\a avózinha só o escreveu para por inveja aos caros leitores deste interessante ( tosse ) blog.... No entanto não deixei de reparar na subtil frase " já fui, voltei, e já fiz tanta coisa desde que regressei. sim porque a vida não tira férias.", pois o\a avózinha se não tivesses feito coisas enquanto já veio de férias reclamava e dizia que a vida era uma seca! Se a vida tirasse férias ai é que eu me preocupava!
EDU a 1 de Agosto de 2011 às 02:18

Ora e estava eu a ler o resto deste espectacular texto e quando cheguei ao terceiro parágrafo tive que discordar, pois as recordações BOAS não é só quando estamos de férias... E é por pessoas como você que este país está como está e eu vou explicar o porquê deste meu pensamento... O povo português quase não tem dinheiro para tirar férias e o povo português pensa que só é feliz quando têm férias e que as recordações boas só existem nas férias, então o povo perde logo o animo todo! E á momentos maus quando vamos de férias por exemplo quando se têm que limpar a loiça ou pôr a mesa... ( este comentário é para aqueles "desgraçados" que não vão para hotéis ) X)
EDU a 1 de Agosto de 2011 às 02:26

Peço desculpa avózinha mas eu tenho necessidade de comentar o quinto parágrafo... Mas quando se têm uma BELA VIDA e não á nada para fazer vem se escrever para o blog... mas devo dizer que se este espaço ainda " não foi á vida " foi porque o\a avózinha têm é uma BELA VIDA! xD
EDU a 1 de Agosto de 2011 às 02:29

Belo texto e belíssimos comentários!

este espaço também é de prazer para quem lê, não só para quem escreve!
mc a 1 de Agosto de 2011 às 17:24

Ó EDU , e se fosses para o Sudoeste (começa amanhã) em vez de estares aqui a "dizer" disparates...

Sabes eu não gosto muito de passar ferias para o sudoeste gosto mais do sul!
EDU a 2 de Agosto de 2011 às 23:24

Uf! Finalmente o Avozinha dignou-se escrever alguma coisita para os fiéis leitores...
Agora que estamos e estaremos em crise temos que poupar em jornais e revistas. Assim sendo, lê-se qualquer coisa e qualquer coisa serve para ler... heheheheheeheh
Conceição a 1 de Agosto de 2011 às 17:27

MC se tivesse em crise ia trabalhar em vês de estar no computador a ler um simples texto! Assim e que se vê quem realmente merece trabalhar! ahah
EDU a 1 de Agosto de 2011 às 17:38

UMa pessoa também precisa de desanuviar! E quando precisa, vem aqui ao blog para espairecer...
mc a 3 de Agosto de 2011 às 14:24

Pois eu compreendo... A monotonia e muito complicado... :S
EDU a 3 de Agosto de 2011 às 14:39

pesquisar
 
Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30



mais sobre mim
blogs SAPO